Publicado em 07/05/2019

Visita oficial do Director de Cooperação e Acção Humanitária do Luxemburgo a Ziguinchor

O Director de Cooperação e Acção Humanitária do Luxemburgo, Manuel Tonnar, fez uma visita oficial a Ziguinchor a 25 de Abril de 2019, acompanhado por uma forte delegação.

Esta visita faz parte do reforço da cooperação que o Senegal e o Luxemburgo têm mantido durante mais de trinta (30) anos.

Em Ziguinchor, esta parceria reflecte-se na implementação de vários projectos, incluindo

  • O projecto FEVE fase 3 (Frontiers and Vulnerabilities to HIV in West Africa), que se centra na prevenção, cuidados e cooperação entre países na luta contra a SIDA entre as populações mais vulneráveis nas zonas fronteiriças de 9 países (Senegal, Guiné Bissau, Guiné, Gâmbia, Níger, Burkina Faso, Mali, Cabo Verde, Costa do Marfim).
  • O projecto CARES (Casamance Research Program on HIV Resistance and Sexual Health), que está envolvido na formação de pessoal de saúde, no equipamento de infra-estruturas sanitárias e na prestação de cuidados de gestão e monitorização da hepatite, cancro cervical e resistência ao tratamento da infecção pelo VIH em Ziguinchor e Guiné Bissau. Este projecto está a ser realizado com a participação científica e técnica de várias organizações luxemburguesas (Luxembourg Institute of Health, Centre hospitalier de Luxembourg, a ONG SANACCESS, a Fondation de Recherche SIDA, o Laboratoire national de Santé).
  • O projecto VIMOS (Violência Sexual e Mutilação Genital no Senegal) fases 1 e 2, realizado com o apoio da SANACCESS Luxemburgo, centra-se na promoção de um ambiente favorável à melhoria da saúde e bem-estar dos jovens vítimas de violência, em particular da violência sexual, em Casamance (Senegal) e nos países vizinhos (Gâmbia, Guiné Bissau). Este projecto criará várias intervenções de base comunitária, bem como a construção de um centro com vocação sub-regional para o tratamento da violência contra as mulheres.

Para além dos fundos da Cooperação Luxemburguesa, a Agência Luxemburguesa de Cooperação LuxDev também implementa fundos da União Europeia em Casamança através do projecto "Equitable access to vocational training - ACEFOP" , que visa promover o emprego, especialmente dos jovens, através de uma melhor formação e integração profissional e da modernização das empresas.

A visita foi uma oportunidade para a delegação do Luxemburgo:

  • Visitar o Pavilhão de Tratamento Ambulatorial (PTA) e as instalações laboratoriais do Hospital do Silêncio, bem como um intercâmbio com profissionais de saúde e, em particular, com as parteiras;
  • Lançar a pedra fundamental do centro integrado de tratamento da violência contra as mulheres, como parte do projecto VIMOS ;
  • Visitar um workshop de um mestre aprendiz seguido de um intercâmbio com os aprendizes no âmbito do projecto ACEFOP
Partilhar