Publicado em 10/10/2023

outubro Rosa: a luta contra o cancro do colo do útero

Como todos os anos, o mês de outubro é uma oportunidade para o mundo organizar campanhas de sensibilização, prevenção e rastreio da doença, sob a designação"outubro Rosa". A ENDA Santé orgulha-se de participar ativamente neste grande evento mundial de luta contra o cancro do colo do útero e da mama.

Em parceria com os distritos sanitários de Ziguinchor, Dakar e Thiès, a ENDA Santé organiza uma série de actividades de rastreio a bordo da sua clínica móvel. Esta é uma oportunidade para as nossas equipas e parceiros informarem as mulheres e o público em geral sobre a importância do rastreio precoce e do acompanhamento médico.

De acordo com a OMS, o cancro do colo do útero é o quarto cancro mais comum nas mulheres em todo o mundo. Em 2020, estima-se que haverá 604 000 novos casos e 342 000 mortes. A grande maioria dos cancros do colo do útero (mais de 95%) é causada pelo papilomavírus humano (HPV).

Infelizmente, nos países de baixos rendimentos, o acesso a estas medidas preventivas é limitado e, muitas vezes, o cancro do colo do útero só é identificado quando já se encontra numa fase avançada. Além disso, o acesso ao tratamento das lesões pré-cancerosas (cirurgia oncológica, radioterapia e quimioterapia, por exemplo) pode ser limitado, o que conduz a uma taxa de mortalidade mais elevada nestes países.

A ENDA Santé, cuja missão consiste em apoiar as pessoas mais vulneráveis, está envolvida em 2 projectos regionais: o programa de investigação da Casamança sobre a resistência ao VIH e a saúde sexual (CARES), implementado no Senegal e na Guiné-Bissau, e o Frontières et vulnérabilités au VIH /Sida en Afrique de l'Ouest (FEVE IMPULSE). Através da sua clínica móvel, são regularmente organizadas actividades de prevenção em Dakar, Mbour e Ziguinchor para melhorar a qualidade do rastreio do cancro do colo do útero em zonas e populações de difícil acesso.

A nossa ação contra o cancro do colo do útero

Para além da campanha, entre julho de 2018 e dezembro de 2023, quase 20.129 mulheres foram rastreadas em Dakar, Mbour, Ziguinchor e Bissau. Durante o mesmo período, 34 LEEPS, 18 crioterapias e 52 termoablações foram realizadas pela ENDA Santé através do seu projeto CARES.

Para reforçar a sua ação contra o cancro do colo do útero, o projeto apoia igualmente o sistema de saúde local, melhorando as instalações técnicas. 5 máquinas de crioterapia, 4 máquinas de termoterapia, 3 unidades de CAF, 1 máquina de testes GenXpert HPV e 30 faróis foram doados às unidades de saúde de Ziguinchor. A componente de reforço das capacidades incluiu igualmente a formação do pessoal de saúde de Ziguinchor nas técnicas de inspeção visual do colo do útero através de VIA/VILI e na gestão das lesões através da crioterapia, na citologia e nas técnicas de coloração e leitura de lâminas/ citotécnicos, bem como nas técnicas de recolha de esfregaços cervicais (FCU) por anatomopatologistas.

Partilhar